Destaque:

Estado brasileiro na encruzilhada. Já sabemos o que a Globo quer... e você?

Queria poder dizer que criei esta montagem, mas não... recebi de um seguidor no Facebook, como comentário a um artigo anterior. rs ...

Receba novos posts por email!

3.1.18

“Homem pelado” Vol.2: MBL volta com diversionismo depois das “férias”?


“Homem pelado” Vol.2: MBL volta com diversionismo depois das “férias”?

Por Romulus Maya

Importante discussão na seção de comentários do artigo...

2.1.18

“Notinhas” em “off” atribuídas a “petistas” (?) recomendam a Lula abraçar a direita! Sei...

TER, 02/01/2018 - 15:57
ATUALIZADO EM 02/01/2018 - 16:05
JORNAL GGN
Jornal GGN - Uma ala do comando do PT acredita que o ex-presidente Lula deve ser reaproximar do empresariado nacional. "O raciocínio é pragmático. Sem um novo pacto com o que o partido chama de elites, as chances de ele deixar de ser pintado como um dos extremos da eleição presidencial são diminutas." É o que diz o Painel da Folha desta terça (2).
No Estadão, colunistas também afirmam que a missão de parte da classe política que ainda está sem candidato é taxar Lula de radical e afastá-lo dos votos ao centro. A mesma tática é empregada com Bolsonaro.



... lembrando “pautas” (aspas!) “adormecidas” (aspas de novo!):


O PIG está totalmente fora de controle. Desespero total nessas 'notinhas'. Recado mais claro, só com arma na cabeça.


Bem, o PIG a gente já conhece. Pior é quem repercute o PIG... Afff...


Começaram afalar sobre pesquisas sobre redução de maioridade penal. Com certeza tomará conta da blogosfera progressista. Acabei de ler. Como diz o Romulus, daqui a pouco e aborto, o alinhamento dos planetas, etc.


Essa "globosfera" (apud WC) está parecendo revista feminina: as matérias se repetem de tempos em tempos...😉


Mentira! Já voltou essa "pauta" (aspas!)?

Olha, até outubro de 2018:

- Aborto;

- Prisão do usuário de drogas/ internação compulsória/ descriminalização da maconha;

- Adoção/ casamento gay/ criminalização da homofobia/ “cura gay”;

- Cotas/ "turbante de carnaval" Vol.2/ “apropriação cultural” nível talibã;

- Maioridade penal/ aumento de penas/ pena de morte/ condições dos presídios/ “direitos humanos para humanos direitos”;

- "Arte degenerada"/ Lei Rouanet/ educação religiosa nas escolas;

- Promoção do vegetarianismo versus “direito de comer quanta carne quiser” (!);

Sim, acreditem, essa é a “nova” (sic) “polêmica” (sic):



Pergunta: e quem é que vai colocar carne na mesa do brasileiro, hein??


- Eutanásia.

(Nota: a discussão sobre o direito à morte com dignidade não avançou no Brasil tanto quanto na Europa, onde faz parte dos temas de campanha.
No entanto, tomando partido da nossa “boa” e velha hipocrisia brasileira – a mesma da “proibição” (fake) do aborto, aliás – através de “meias palavras”, sem nada escrito, a ortotanásia – o famoso “pode desligar os aparelhos” – vem sendo acertado entre famílias e médicos Brasil afora.
E há tempos.
- “Ainda bem”, né, dona hipocrisia?)


Que mais, gente?

😒

*

Eles até tinham dado um tempo depois que – apesar de apanhar muito (no inicio!) de certos LGBTs ("queer museu"/ “cura gay”), de certas feministas (“estupro-ejaculação”/ aborto) e de certos negros ("apropriação cultural" nível talibã) – mostramos que eles estavam sendo usados.

E em próprio prejuízo.

Virou meme.

(viva!)

Chegou no povão.




Viraliza nas redes sociais um meme em que o o líder do Movimento Brasil Livre (MBL), Kim Kataguiri, aparece como instrumento para desviar a atenção do brasileiro diante do desmonte de direitos dos trabalhadores e da dilapidação dos recursos públicos promovida pelo governo de Michel Temer; "Tem um cara pelado no museu", grita Kataguiri, enquanto a Câmara perdoa dívidas de aliados de Temer, deputados o anistiam da denúncia de corrupção e o governo corta mais de R$ 100 milhões da Ciência e Tecnologia

12 DE OUTUBRO DE 2017 ÀS 14:36 // INSCREVA-SE NA TV 247

247 - Viraliza nas redes sociais um meme em que o o líder do Movimento Brasil Livre (MBL), Kim Kataguiri, aparece como instrumento para desviar a atenção do brasileiro diante do desmonte de direitos dos trabalhadores e da dilapidação dos recursos públicos promovida pelo governo de Michel Temer.

Kim Kataguiri é retratado criticando a intervenção no 5° Panorama da Arte Brasileira, que foi realizada no Museu de Arte Moderna de São Paulo, na qual um homem ficou nu enquanto era observado e tocado pela plateia, incluindo uma criança.

Ao mesmo tempo manchetes de jornais noticiam retrocessos como "Com Brasil congelado, Câmara quer congelar dívidas de aliados de Temer", "Deputados livram Temer de denúncias de corrupção", ou ainda "Governo Temer corta R$ 103,6 milhões do Ministério da Ciência e Tecnologia".


Então deram um tempo... mas vão voltar!

*

A dor de cabeça que tive que aguentar até virar "mainstream"...

(para suprema raiva da meia dúzia de deputados "identitários" e movimentos/ ativistas que $irculam em torno deles)

Até denúncia em massa do site - como também fazem os bolsominions! - para impedir o compartilhamento teve... lembram??

O esquema é forte.

Dos dois lados.

(que secretamente se amam mais que tudo!
Um vive do outro!
E ODEIAM – ambos! – esquerda QUE GANHA (eleição
majoritária!) e governa!)


*

Mais sobre a instrumentalização de pautas "morais"/ identitárias pela direita em:

6.10.17


Vitória: pautamos a blogosfera no (falso) tema “MBL moralista” – viva!

../../Desktop/colagem%20falso%20moralismo%20MBL%20Frota%20copy.jpg

(Deselegante canto de...) Vitória: pautamos a blogosfera no (falso) tema “MBL moralista” – viva!

Por Romulus

Tô super feliz de o Blog estar pautando o “lado de cá” do mercado de opinião com relação ao rebranding – safado – do MBL.


../../Desktop/Screen%20Shot%202017-10-06%20at%2007.42.58.png


Como recomendei em 18 de setembro, em vez de entrar na “discussão” – entre aspas mesmo! – de fundo com o MBL – e o Alexandre Frota! – em postagens sumárias de rede social....


(brigando pela mesma quantidade de "likes"/ "clicks"/ "share" conquistados por Kim Kataguiri, só que com “sinal (político) trocado”!)


- ... veículos como Justificando, Carta Capital, El País e Le Monde Diplomatique (ver vídeo e matérias mais adiante), entre outros, e também “personalidades de rede social” vêm preferindo apontar para o rebranding em si, bem como para as razões que levaram a ele – na “pegada meta” que eu propus.


Ótimo!


Não cobro royalties...


(se bem que mencionar fonte não cai a mão, sabe...
Pessoas seguras de si não têm problema em reconhecer o valor alheio! 😉)

3.12.17


Barroso ABORTA Malafaia: com impopularidade do entreguismo, eles “querem” (?) pautar “aborto”!

../../Desktop/colagem%20barroso%20aborta%20bolsonaro%20copy.jpg
Barroso ABORTA Malafaia: com impopularidade do entreguismo, eles “querem” (?) pautar “aborto”!

Por Romulus Maya

A quem interessa esse sequestro de pauta?

A quem interessa o diversionismo?

A quem interessa, no embate político e na blogosfera, tirar o foco do Pré-sal, da Petrobras, do nióbio, da entrega das geradoras de energia estatais, do satélite, da perda de direitos, dos ... ... ... ...

Para colocar em pauta, no lugar...

- ... “aborto”??

Alô?!

Não eleger - em disputa MAJORITÁRIA! - um Chefe do Executivo federal do campo popular, progressista e nacionalista significa PREJUDICAR, também!, todas as pautas de interesse das próprias minorias!

Não se consegue fazer, em apenas ~um~ ano (eleitoral!), pedagogia política que levará... décadas!


Arrisca-se perder o pouco que já temos, por não haver contraponto no Executivo para CONTER o Congresso "BBB-B": da bala, do boi, da bíblia e da... "branquinha"! (helicoca)

9.9.17


Crítica “machista” a Dilma e EXCESSOS do politicamente correto identitário

../../Desktop/colagem%20dilma%20turbante%20copy.jpg


Crítica “machista” a Dilma e EXCESSOS do politicamente correto identitário


Por Romulus & Maria


FEMINISMO: BENEVOLÊNCIA “CAVALHEIRESCA”?


OU TRATAMENTO IGUALITÁRIO?


"Machismo" seria, como homem, sentir-me obrigado a tratar Dilma com condescendência, com paternalismo...


"Em mulher não se bate nem com uma flor!"


Nada disso... não sou nada sexista!


No debate público, político – e não no assédio físico e/ ou moral individual!, essa máxima não se aplica!


Repetindo ditado da infância no meu Rio de Janeiro:


- "CRIANÇA QUE NÃO SABE BRINCAR NÃO DESCE PRO PARQUINHO!"


Ou, no original em carioquês:


- “SE NÃO SABE BRINCAR, NÃO DESCE PRO PLAY!"


*


Já tem quase 1 ano que, pela primeira vez, não me verguei – rôle de l'ENFANT TERRIBLE oblige – diante da pressão do lobby do – EXCESSO (!) DO... – politicamente correto identitário “integrista”.


Depois da “polêmica” desta semana com (certas!) feministas, espero de todo o coração que a próxima não chegue antes de mais 1 ano!


Isso porque _EU_ não vivo de polemizar, artificialmente, tal como fazem certos “pundits identitários”, em cima da “pauta da semana” (qualquer que seja ela...) sob a lente UNICOLOR exclusiva da sua própria pauta... identitária!


Nem que para isso tenha que procurar – consciente e/ ou inconscientemente – “pelo em ovo”...


“CARONA”:


Somente para ter a oportunidade (oportunista?) “política” e “midiática” de colar – via crítica “de viés exclusivo”, monotemático – a agenda particular do seu LOBBY identitário à pauta que, naquele momento, ganha as manchetes.


E, assim...


Conseguir...


- ... “ganhar a vida”!


Como...


- ... colunista (mono!) “temático”!


- AH-RÁ!


Ganhar a vida como... “pundit”!


Justificando, em última análise, o salário “daquele mês” (!)


(e a própria existência enquanto... “pundit”!)


20.9.17


“Cura gay” (?!) e o Golpe: por que NÃO mudarei meu avatar no Facebook! - um alerta para a esquerda

../../Desktop/colagem%20coelho%20corrida%20cachorros%20copy.jpg


“Cura gay” (?!) e o Golpe: por que NÃO mudarei o meu avatar no Facebook! - um alerta para a esquerda


Por Romulus

SÚPLICA (!) CÍVICO-PATRIÓTICA DE... CASSANDRA!


🙏 🙏 🙏


- Ei, você de esquerda!


- Ei, você com esse coraçãozinho... ENORME!
(um oximoro?)


- Ei, você “prafrentex”!


- Ei, você com as melhores intenções do mundo!


- Ei, você...


- Ei...


Faz um favorzinho pra mim??


(e pro Brasil??)


- LÊ O ARTIGO ABAIXO??


E, depois, responde se, como eu, você tampouco vai morder a...


- ... isca DA VEZ?


E tampouco vai mudar o seu avatar no Facebook??


*


- "Obrigado!"


- "De nada!"


*


Mas antes, um pequeno pedido (adicional):


- Não (me) odeie!

(ainda...)

- PENSE!

😉

21.9.17


Vol. 2: “cura gay” (?!), o Golpe e o fosso “identitário” na esquerda

../../Desktop/colagem%20coelho%20corrida%20cachorros%20copy.jpg

Vol. 2: “cura gay” (?!), o Golpe e o fosso “identitário” na esquerda


(Ou: “Que PORRA é essa?!” – Vol. 4)


Por Romulus


Prólogo (1):


https://scontent-frx5-1.xx.fbcdn.net/v/t1.0-1/p160x160/19059395_1911836899096581_6883396825578417164_n.jpg?oh=eb20b3a42c7e50029693f81da067b8ba&oe=5A59BA4A


Romulus: Isso aí é a cara da fragmentação pós-moderna identitária. Cavalo de Troia do Império.
"Para reagir aos nossos tempos de trevas, como cidadão consciente e combativo eu deveria participar, pelo menos, das seguintes manifestações:
- Fora, Temer!
- Diretas Já!
- Contra a Reforma da Previdência
- Contra o fim dos direitos trabalhistas
- Contra a homofobia (e outra específica sobre: homossexualidade não é doença)
- Contra a violência de gênero
- Ato racismo é crime
- Contra a intolerância religiosa
- Contra os terraplanistas
- Ato em defesa das vacinas
- Em defesa da Amazônia
- Contra as privatizações
- Contra o corte de verbas para a Ciência
- Contra o corte de verbas da Educação
- Contra a mídia golpista e pela regulação da comunicação
Ficou puxado, minha gente". - Leonardo Valente


*


Prólogo (2) – repetindo o clichê (Sun Tzu):


“If you know the enemy and know yourself, you need not fear the result of a hundred battles. If you know yourself but not the enemy, for every victory gained you will also suffer a defeat. If you know neither the enemy nor yourself, you will succumb in every battle.”


"He will win who knows when to fight and when not to fight"


"Victory usually goes to the army who has better trained officers and men".

5.9.17


"Ejaculação-estupro": "case" de como identitarismos radicais fazem esquerda de refém


“EJACULAÇÃO-ESTUPRO”, “ESQUERDA(S)”, “IDENTITARISMO” (E AINDA “ISENTÕES”, "AUSENTES" E "GRILOS FALANTES"): UM “CASE” DE COMO A ESQUERDA FOI FEITA REFÉM PELOS RADICAIS


- O que o mais novo "debate de Facebook" (!) tem a ensinar sobre o viés de (sobre-) representatividade do discurso identitário nos debates dentro da(s) esquerda(s), bem como sobre (pior ainda!) a interdição, militante e agressiva, da divergência.


Por Romulus


Haja aspas nesse título, hein?


Sim, eu sei...


“Sinal dos tempos”!


E sinal também de suscetibilidades – várias... – e de subjetivismo(s) fragmentário(s) – vários também...


Cada um com aspas para chamar de suas...


Sei também que essa “polêmica”, a do “estupro-ejaculação”, já deu.


Agora a pauta (“mais importante - do milênio! - desta semana”)...


(onde?
Nos “trending topics do Twitter”?)


- ... já é outra.


(qual será?
O novo grampo do Joesley?)


Acreditem: “estupro-ejaculação” já deu para mim também.


Mas o que proponho não é (mais) uma discussão sobre o tema em si...


E sim (mais) uma “pegada meta”!


Apenas neste ano, no topo da “pauta virtual progressista” (e das “hashtags”!) – com os respectivos lados opostos disputando ferozmente “likes”/ “shares”/ “lacrou!” – já se revezaram:

(ao menos!)

- “Turbante interditado de Carnaval”.


- “Nova música – ‘machista’ – do Chico Buarque”.


(- Conflito na Venezuela?)


E...


(até 5 minutos atrás, mas já caindo no ranking dos “trending topics”...)

- “Estupro-ejaculação”


*


O que proponho aqui é analisar, a partir do “case” do “estupro-ejaculação”, algumas das “posturas” que acabam ajudando a moldar – salve o algoritmo, Sr. Zuckerberg! – o debate na era das redes sociais.


Identifico, ao menos:


(1) Os ausentes/ “cara de paisagem”/ “é comigo?”


Aqueles que querem distância de dor de cabeça e que por isso evitam, por todos os meios, colocar as suas mãos no vespeiro da vez.


Patrono: Luiz Inácio Lula da Silva.


😜


(ironia/ piada explicada mais abaixo)


(2) Os apaixonados, de ambos os lados, da “contenda”
(da vez...)


Consciente ou inconscientemente, como bons “advogados”, dão enorme destaque aos pontos fortes do seu lado...


Mas...


- ... muito pouco ou quase nenhum aos...


- ... fracos!


Quer dizer...


- Isso quando não ataca a desonestidade intelectual (consciente ou não) e sequer mencionam – e, portanto, não “trazem pra jogo” – os tais “pontos fracos”.


(também ficará mais claro com exemplo lapidar adiante, acreditem!)


(3) Os “sistemáticos”/ “estruturalistas”/ “reflexivos”...
Enfim: os “chatos” (!)


Aqueles que, enfrentando a turba excitada pela “polêmica da vez”, ousam apontar as implicações sistêmicas (perigosas!) da extrapolação – no limite – da reivindicação “radical” de turno.


São os “malas”...


Os “estraga-prazer”...


Os “broxantes”...


(de novo: ilustração clarificadora a seguir...
Aguentem um pouquinho!)


(4) Os “isentões”


Aqueles que se colocam NO MEIO dos três primeiros tipos...


Fazendo (i.e.: “fazendo que fazem”...) um tal “necessário” meio de campo.


Notem bem: “no meio” sim...


Mas em local estrategicamente EQUIDISTANTE de cada um deles!


Sempre “ponderados”, via de regra “constatam” nas suas manifestações “pontos fortes” e “pontos fracos”...


- ... em TODAS as posições!


Mas...


(e aí o “mas” é FUNDAMENTAL...)


- Eximem-se...


(mesmo com todas as ressalvas e relativizações possíveis e imagináveis ao alcance do teclado!)


- ... de tomar partido.


Politique/ diplomatie/ popularité obligent (!)


(e também a manutenção de “likes” já duramente conquistados!)


*


Vamos lá?


Aceitam o convite e passamos, então, ao tal “estudo de caso”?


Pois eis a ilustração – na forma de diálogo – de como “ausentes”/ “apaixonados”/ “chatos sistemáticos”/ “isentões” contribuíram para o “debate” sobre o episódio da “ejaculação-estupro” no “tribunal” do Facebook.

10.9.17


Ejaculação, Margaret Thatcher e Venezuela: polarizar ou ser “insentão”?

Ejaculação, Margaret Thatcher e Venezuela: polarizar ou ser “insentão”?


Se “o demônio” pode “citar as Escrituras”, então também posso citar a “demônia”:
- Baronesa Margaret Thatcher (!)


“Arbítrio do bem” vs. “arbítrio do mal”?
- Nada disso: abaixo ‘o’ arbítrio!


Constituinte na Venezuela:
- A volta (?) do “isentão de esquerda” vs. o “diabo menos feio”.




*   *   *



- Siga no Facebook:


- E no Twitter:



Quando perguntei, uma deputada suíça se definiu em um jantar como "uma esquerdista que sabe fazer conta". Poucas palavras que dizem bastante coisa. Adotei para mim também.



*

Achou meu estilo “esquisito”? “Caótico”?

- Pois você não está só! Clique nos links (4 volumes já!) e chore as suas mágoas:



















  



*

A tese central do blog:




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba novos posts por email!